Tocar no Senhor

28/abr/2011 - Nenhum Comentário

10/7/2006

Leitura do Evangelho de Mateus 9,18-26.

É preciso hoje tocar em Jesus, ou seja, experimentá-Lo.

Muitos esbarraram e tocaram em Jesus enquanto Ele esteve no mundo, no entanto, poucos O tocaram com verdadeira fé. Esses sim foram curados.

Da mesma maneira, como nem todos que tocaram Jesus naquela época foram curados, o mesmo acontece conosco hoje em dia.

Tocar em Jesus é o mesmo que encontrar Jesus. Cada um tem o seu momento de vida para encontrá-Lo, mas se você acha que já O encontrou mas não mudou de vida e de atitude, o encontro real não aconteceu.

Para encontrar com o Senhor temos que fazer como Pedro, ou seja, largar para trás nossas redes e seguí-Lo. Largar para trás tudo aquilo que nos afasta de Deus, nossos apegos, nossos orgulhos, nossos prazeres passageiros. Deus só entra no coração de quem permite, e Ele só encontrará morada em nosso coração se ele estiver vazio de todas essas coisas do mundo.

Depois desse encontro inicial, dessa mudança de vida, nossa experiência vai aumentando e se tornando mais intensa, a medida que convivemos com Ele no nosso dia a dia.

Nossa oração diária, a Santa Eucaristia, os momentos de adoração, a presença do Espírito Santo em nós, tudo isso nos dá intimidade com Deus, tudo isso nos faz tocar em Jesus de uma maneira cada vez mais próxima.

Essa experiência com Jesus vai nos mudando, e aos poucos estamos prontos para testemunhá-Lo em nossa vida. O mais importante é que estejamos prontos para testemunhá-Lo sempre, inclusive nas coisas mais corriqueiras. Muitas vezes é mais fácil testemunhá-Lo nas coisas maiores, nos grandes sacrifícios, nas grandes obras, mas é mais difícil testemunhá-Lo através de uma provação dentro do nosso lar. Somente iremos nos resguardar de cair nessas armadilhas se estivermos sempre perto d’Ele, com intimidade.

E quem nos dá essa intimidade, essa força? O Espírito Santo, que é uma promessa de Deus a todos nós: “Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo.” (Mt 28,20). Ele estará conosco, através do Espírito Santo até o fim do mundo, não foi uma promessa feita apenas para aquela época, é para cada um de nós hoje.

Devemos nos espelhar em Pedro, que logo após Pentecostes se tornou um homem forte e destemido no testemunho de Jesus. Ele que sempre foi um homem até covarde, se torna a “pedra onde foi edificada a Igreja de Jesus”.

Nós também só seremos fortes para seguirmos Jesus se estivermos em companhia do Espírito Santo. Somente o Espírito Santo pode nos transformar, precisamos deixá-lo agir em nós. E, para isso, precisamos deixar para trás o homem e a mulher velha, com as manias, os caprichos, as vontades, os orgulhos, e tantos outros males.

É importante lembrar, que quando optamos por seguir Jesus, nossos problemas não terminam, mas nós teremos mais condições de lidar com eles, pois teremos a ajuda do Espírito Santo que habita em nós.

Tocar Jesus através dos sacramentos

O mais maravilhoso da nossa fé católica, é que nós temos uma imensa riqueza que nos ajuda a seguir esse caminho. Nós temos os sacramentos, que se forem realmente vivenciados nos ajudarão a tocar em Jesus.

Quando pequenos nós fomos batizados. Através desse batismo nos denominamos cristãos, recebemos a graça de Deus e nos tornamos morada do Espírito Santo. A pergunta que devemos nos fazer é: Nós estamos vivendo como batizados? As pessoas que convivem conosco conseguem identificar que somos cristãos batizados? Se existir alguma dúvida nessas respostas, nós precisamos reavaliar nossa vida cristã e lembrar que devemos viver o nosso batismo, devemos transmitir aos outros o amor que recebemos, devemos seguir os passos de Jesus, seguir a fé que professamos.

A grande beleza dos sacramentos é que cada um deles nos ajuda de uma maneira a vivermos esse batismo recebido no início de nossas vidas. Temos a confissão que nos permite a reconciliação com Deus, temos a Crisma através da qual recebemos de forma consciente o Espírito Santo para sermos testemunhas da fé cristã. Temos a Santa Eucaristia que nos concede um encontro íntimo com o próprio Jesus feito pão para nos alimentar. Temos o matrimônio que nos permite exercer o mais completo exemplo de doação e amor.

Tocar Jesus através da oração

Outra maneira intensa de tocarmos o Senhor é através da oração. Nossa oração individual nos coloca em contato com Deus, traz intimidade com Ele. É uma experiência maravilhosa colocar-se em oração.

Peça perdão por tudo aquilo que você sabe que existe no seu coração e que desagrada o Seu Deus, demonstre-se arrependido e reconcilie-se.

Invista muito tempo da sua oração agradecendo ao Seu Deus por tudo de maravilhoso que Ele proporciona em sua vida, não se esquecendo nunca de agradecer também pelas dificuldades, pois certamente delas, Deus tirará algo bom para você. Louve o Seu Deus, é no louvor que Deus habita.

Peça a ação do Espírito Santo sobre você, entregue-se a Ele inteiramente, peça que Ele te conduza em tudo o que for fazer, desde as mínimas coisas da sua rotina até as mais importantes decisões.

Ore todos os dias, tenha intimidade com Deus!

Tocar Jesus através dos irmãos

Através da Palavra conseguimos ter muitos exemplos do amor que Jesus tinha pelos menos favorecidos. Através da nossa caridade com nossos irmãos, estamos agradando a Deus, e certamente estamos tocando Jesus.

Mas não é somente a caridade com nossos irmãos mais carentes que Jesus nos pede. Não devemos nos esquecer que nosso próximo é justamente aquele que está ao nosso lado, ou seja, nosso marido, esposa, filhos, pais, irmãos. Tocar Jesus também é ser compreensivo dentro de nossa casa, é ser humilde, é perdoar, é doar-se sem esperar nada em troca, é deixar de dar a última palavra! É seguir o exemplo de mansidão de Jesus.

Tocar Jesus através da natureza

Não podemos deixar de lembrar que tocamos Jesus através da natureza e das coisas do mundo. Devemos perceber a presença e o amor de Deus por nós ao olhar um entardecer, o mar, os animais, as flores. Tudo tão perfeito, criado para nós por amor.

As próprias obras humanas, os avanços. Tudo isso só aconteceu porque Deus presenteou os homens com inteligência. Se hoje temos tantos avanços tecnológicos, na medicina, é porque a inteligência do homem chegou a isso. Não é mérito humano, é dádiva de Deus!

Ao final, não podemos esquecer que a fé é o principal caminho para tocarmos em Jesus. Se a mulher com hemorragia não tivesse tido fé, ela seria apenas mais uma a esbarrar em Jesus e não seria curada. Temos que crer que esse encontro é possível.

Para termos fé, temos que nos abandonar em Deus, temos que ser humildes a ponto de reconhecermos que nada podemos sem Deus. Precisamos também estar repletos do Espírito Santo. O batismo no Espírito vem nos ajudar a viver plenamente nosso batismo, é uma nova efusão do Espírito que nos santifica, e nos ajuda a viver a vocação para a qual fomos chamados.

Devemos ter claro que o Espírito Santo que foi enviado sobre os apóstolos é o mesmo de hoje. Temos a tendência de achar que aquele poder do alto só foi manifestado naquela época e sobre os apóstolos. Errado! Temos que desejar esse Espírito Santo hoje sobre nossas vidas, temos que desejar tocar e sermos tocados por Jesus. Mais do que isso, temos que nos abrir para a ação d’Ele. Se os apóstolos fizeram obras grandiosas, foi porque eles deixaram que o Espírito Santo agisse sobre eles de forma grandiosa.

Resumindo:

Crer em Cristo!
Renunciar ao pecado, mudar de vida!
Ter sede do Espírito Santo, desejá-lo ardentemente e insistentemente!

É o Espírito Santo que nos dá forças para testemunhar nossa fé no dia a dia. Se os apóstolos precisaram daquela efusão antes de seguirem pregando a fé cristã, que se dirá de nós? Com o Espírito Santo poderemos ser luz por onde andarmos, poderemos efetivamente testemunhar Jesus com nossos atos. Podemos sentí-Lo e tocá-Lo.

Leitura recomendada: Tocar o Senhor – Frei Léo, SJC


Evangelize conosco: compartilhe esta página com os seus amigos nas redes sociais:

Compartilhe


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *