Como podemos refletir a luz do mundo que é Deus?

13/nov/2017 - Nenhum Comentário

Como-podemos-refletir-a-luz-do-mundo-que-é-DeusPara ser a luz do mundo, é preciso conhecer e refletir a  Palavra de Deus

Olá! Hoje, queria fazer uma meditação com base na Palavra de Deus, em Ef 5,8-14. Se possível, pegue sua Bíblia e faça a leitura junto comigo. Eu estava meditando sobre essa Palavra esses dias, e ela me incomodou, então, resolvi incomodar você também; afinal, Jesus chama não só a mim, mas a todos nós!

Essa passagem bíblica fala, claramente, sobre ser luz no mundo, sobre ter atitudes que reflitam a luz de Cristo.

Eu sou consagrada a Deus, na Canção Nova, há 16 anos, mas isso não torna a minha vida mais fácil, não me isola do mundo. Vou ter de voltar um pouco no tempo, para que você entenda o que estou falando.

Estudo da Palavra de Deus

A Palavra começa dizendo: “Outrora éreis trevas, agora sois luz no Senhor”.

Veja bem: ela diz que éramos trevas. Não, necessariamente, vivíamos uma vida louca, cheia de abusos ou totalmente voltada para essa loucura em que se encontra o mundo. Mas o simples apagar da luz já caracteriza escuridão/treva.

Então, mesmo que você, assim como eu, nunca tenha feito nada demais, que tenha tido uma vida saudável, tranquila, nunca tenha bebido nem fumado, enfim, uma juventude ativa nos grupos de oração, trazíamos alguns vícios que, para o mundo, era normal, como assistir a novelas, usar algumas roupas um pouco mais ousadas, ter um linguajar não apropriado etc. (estou falando de mim, das trevas em que eu me encontrava).

Olhe para você, para sua história e veja de onde você veio, aquilo que era treva em sua vida. Pode olhar sem medo, não há ninguém para julgar ou apontar o dedo no seu rosto.

Quando a luz entra?

Quando vivemos nossa experiência com Cristo, com certeza, vamos nos lembrar desse dia. Eu me lembro que tinha 14 anos quando Ele me invadiu e me fez querer ser d’Ele, mas, como uma adolescente comum, eu não enxergava a trave que estava nos meus olhos. O que tem assistir à novela? A minha família inteira assiste! Era até assunto de conversa. A roupa nem era tão indecente assim… Mas o linguajar eu sabia que tinha de mudar.

O Senhor, no entanto, vai nos incomodando, cutucando, até percebermos que aquilo nos faz mal. De repente, ou aos poucos como eu, você vai abandonando tudo aquilo que não vem do Senhor, que não nos edifica. Aí, tornamo-nos luz, e as pessoas percebem que mudamos. Até nos questionam sobre estarmos diferentes.

Lembre-se de que a Palavra diz: “Agora sois luz no Senhor”. Então, todas as vezes que nos afastamos do Senhor, afastamo-nos da luz também; portanto, deixamos de ser luz. Não há como seguirmos dois caminhos, servir a dois senhores. Temos de optar, romper com o mundo para poder caminhar na Luz e ser luz.

Seja um caminho de luz

As pessoas precisam enxergar essa luz em nós, olhar para nós e ver que somos diferentes, que há “alguma coisa” em nós, que nos torna diferentes, que nos torna luz! Precisamos viver e, sem falar nada, as pessoas precisam perceber a Luz que nos habita.

Na própria Palavra, o Senhor já nos indica como ser luz: bondade, justiça, verdade e discernimento são coisas que precisam estar entranhadas em nós, em nosso coração, tem de estar no automático. Aí, resplandecemos neste mundo de trevas.

Não é fácil, não é simples, por isso precisamos, e muito, da ajuda do Alto, para não nos perdermos. O mundo é atrativo, o inimigo sabe como nos perseguir, sabe onde “aperta o nosso calo”. Ele conhece nossas vaidades e aquilo que mexe com o nosso orgulho.

Lembra-se que estou há 16 anos na Canção Nova? Você pode até pensar que estou protegida, mas não é tão simples! Eu também tenho meus desejos, meus espinhos na carne (assim como São Paulo), e sei que terei de conviver com eles pelo resto da minha vida. Sou humana, trago comigo a mancha do pecado original, mas trago também a Luz de ser filha, escolhida, batizada, crismada e consagrada; e isso me dá forças para lutar. Assim, você também pode buscar os caminhos para armar-se nessa batalha.

Luto para ser luz na minha casa, para meu esposo, para meus filhos, para minha comunidade, para aqueles que estão próximos a mim. Busco confissão sempre que consigo, tento estar em constante oração, observando tudo e vendo se Deus está falando comigo por meio de pequenos detalhes do dia a dia, porque o Senhor se revela nos detalhes. Não adianta esperar grandes sinais. Eles existem sim, porém, na maior parte do tempo, Deus se revela no cotidiano, nas coisas que vemos, nas atitudes que nossos filhos, esposos ou amigos demonstram, numa homilia e até num simples olhar.

Desperte para Deus

A Palavra termina assim: “Desperta, tu que dormes, levanta-te dentre os mortos e sobre ti Cristo resplandecerá”.  Então, desperte-se! Clamo, agora, o Espírito Santo para que você se sinta tocado por essa Palavra, assim como eu fui, e levante-se. Que nos tornemos um farol para o mundo! Que, de longe, o mundo perceba pessoas que buscam o Senhor, buscam seguir Seu caminho.

Jesus está voltando, e Ele precisa desta nação santa para que o máximo de pessoas se salvem. Faça a sua parte, entre para esse exército que luta contra o pecado e busca viver uma vida em Cristo.

Permita que Cristo resplandeça sobre você! Perdoe-se, perdoe seu passado e deixe que a luz de Cristo o invada.

O que passou, passou. “Eis que Cristo te faz novo! Te dá uma nova chance, mesmo que já tenha te dado outras chances”. Hoje, Ele quer fazer morada no seu coração e poder contar com você!

Desperta tu que dormes, pois o céu é logo! Eis que o Senhor está à porta e bate! Deixa-O entrar!

Kelly Kruschewsky
Missionária da Comunidade Canção Nova


Evangelize conosco: compartilhe esta página com os seus amigos nas redes sociais:

Compartilhe


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *